sexta-feira, 28 de julho de 2017

Éramos felizes e nem sabíamos!

Quando vos falam em férias de verão que memórias é que isso vos traz?

Estava a ler um post da M* do Live, Love, Laugh sobre as memórias dela dos Verões da sua infância quando automaticamente fui transportada para as minhas memórias. 

Eram 3 meses de férias que eram passados entre a casa da minha avó e a casa dos meus padrinhos. Especialmente a casa dos meus padrinhos. Tinha as minhas 3 primas lá para brincar. E que bom que era. Desde o brincarmos até cairmos de cansaço, aos pequenos almoços com cereais e não raras as vezes com cerelac. 
Os banhos de sol que apanhávamos no jardim porque não podíamos ir para a praia acompanhados dos banhos de chuveiro no quintal com água gelada a que se juntavam os banhos de mangueira que o meu padrinho nos dava quando chegava do trabalho. 


felizes



E o esforço que fazíamos para inventar canções para cantarmos aos meus padrinhos para nos levarem ao rio, ainda ao fim do dia, quando chegavam estourados a casa. Sem esquecer as vezes que ainda conseguíamos que nos levassem á praia ao fim do dia para um mergulho rápido seguido de um lanche com pão com tulicreme. 

E andávamos nisto. Ora na casa dos meus padrinhos, ora na casa dos meus pais. 

Fomos crescendo verão atrás de verão entre estas brincadeiras. 
Sempre de sorriso no rosto e gargalhadas altas. 
Crescemos juntas e a brincar ao ar livre. Criamos laço inquebráveis porque aprendemos nas brincadeiras que nos podemos zangar, mas nunca separar. 

Éramos felizes. E nem sabíamos. 



felizes





Se há coisa que gostava, era de um dia os meus filhos pudessem crescer como cresci. Rodeados de amor e de família. Que sejam felizes e que nem saibam.


felizes

E vocês, quais são as vossas memórias de infância de verão?