sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

O quê? Não vale o preço!

Já várias vezes ouvi esta frase quando se fala sobre o preço de algum artigo que por acaso até é produzido e Portugal. 
Seja ele um artigo de vestuário, calçado ou o que for. 
Nos dias que correm acho que meio mundo está habituado a comprar quase sempre na mesma loja, quase sempre ao mesmo preço.
Sabemos que uma camisa na Zara anda sempre por volta dos 25.90€, uma camisola pode andar nos 29.90€ e por aí adiante. 
Tudo o que vier acima disso e não for das lojas " da moda" é caro e não vale o preço. 

Às vezes é preciso parar, analisar e só depois comentar. 
Já me aconteceu pessoas verem um artigo que estou a usar, perguntarem-me o preço e acharem logo caro e que não vale o preço. 
Bem, se tivermos a falar de artigos que irão durar anos, ou porque são feitos em pele, ou com matérias primas melhor que permitem outro conforto, tem outra estabilidade e duração e se a isso aliarmos ser produzido em Portugal, se calhar o caso muda de figura. 
É que, felizmente, em Portugal o custo de mão dobra ainda de paga relativamente bem mesmo que por vezes se diga o contrário. 
Normalmente este tipo de coisas também são ditas por aquelas pessoas que partilham coisas no facebook a dizer que a Zara escraviza crianças no Bangladesh mas que a seguir vão lá comprar as coisas e dizem que tudo o que é feito em Portugal é caro. 

Por isso, deveria ser um bocadinho como as regras de trânsito, o pare, escute e olhe; mas em vez disso, pare, analise e só depois comente. 

Porque afinal em Portugal fazem-se coisas boas, coisas bonitas, de valor acrescido e de qualidade. Não será à toa que Portugal está na moda! 


preço

E vocês, qual é a vossa opinião acerca disto?